Pages

30 julho 2010

[Oi?] ???


Eu leio muitos blogs. Não comento em todos. Comento, geralmente, naqueles posts com os quais me identifico: que rio (do verbo 'rir'. escreve assim mesmo?) ou choro!
A minha história na internet é relativamente curta, porém, complexa! #oi?
Lembro que comecei minha vida virtual usando lan house, que na época e na minha cidade eram meia duzia e cobravam os olhos da cara! E nem usava pra fins 'terapêuticos'. Basicamente usava pra ver sites de notícias, checar meu e-mail (primeiro e-mail foi @bol.com.br !). Depois fui parar numca escola que, pra época era O FUTURO, e tinha laboratório de informática aberto pra todos os alunos fora dos horários de aula. Maldição!!! Aí comecei nas salas de bate-papo e 'emiessieni'!
Até então eu lutava com todas as minhas forças contra minha natureza. E conhecer as salas de bate-papo foi uma dádiva pra isso: comecei zuando os gaúchos de Pelotas e paulistas de Campinas e com isso acabei descobrindo os sites para maiores de 18 anos.
Ainda sem computador em casa, essa vida ainda se resumia a poucas horas por semana numa lan house e muitas outras no banheiro! #abafa Até que passei no vestibular e 'fui obrigado' a mudar de cidade pra fazer meu curso. E então um mundo totalmente diferente: gente mais madura, morando sozinho, novos amigos, numa cidade 'grande' e com internet disponível na faculdade praticamente 24 horas por dia. E com internet mais horas por dia, veio a necessidade de encontrar coisas pra mexer na ineternet nesse período. O Orkut!!! Criei o meu em 2004 / 2005 e vi ali uma excelente forma de descobrir o mundo. Literalmente!
Lembro até hoje qual foi a primeira comunidade +18 que entrei e que era voltado ao público GLS: Contos Eróticos Gay, que não é a mesma que tem aí hoje; ela foi deletada pouco depois. Aí comecei a leitura de contos quase que diariamente. Até um dia que eu li o começo de um conto e passei o final de semana muito mal, chorando muito, quase depressão! E nem era um conta daqueles bons. Dali eu parei de ler contos e 'me dediquei' a sites e blogs com imagens e vídeos pornôs! Criei um blog, que foi deletado, recriei o blog que abandonei quando terminei a faculdade e perdi a internet em casa - que dividia com um amigo que foi morar comigo no meio da faculdade. Quando novamente tive internet em casa, voltei com o blog. Mas cansei dele.
Hoje, criei outro blog, esse aqui, que serve como um apanhado de tudo que vejo por aí, e aproveitei pra me dedicar a um outro segmento de vida virtual: os blogs que tem como finalidade a real finalidade do blog que é um diário virtual. Passei a ler blogs e não a visualizar blogs. E adoro isso. A medida que vou lendo, vou me familiarizando com os posts.
Só que está acontecendo agora exatamente o que aconteceu comigo na época dos contos! Ler os posts das vidas alheias, os acontecimentos diários da vida de muitos blogayros me faz perceber o quanto a minha vida é anormal. Não acontece nada nessa porra, caralho!!! Sinto até certa inveja quando vou lendo os posts e vendo que não tem nada que eu possa postar de algo que acontece na minha real life. Meu sonho é que o meu blog fosse um diário virtual, mas está difícil! Minha vida está mais parada que a justiça brasileira...

p.s.: ai, que post mais sem noção...

2 comentários:

Lobo Cinzento disse...

Hahaha cada um tem uma pitada de anormalidade na vida.

As vezes, só as vezes, eu desejo que a minha vida fosse um cadinho só menos atribulada ahauahauahau

Beijos Voy!

Serginho Tavares disse...

de perto ninguém é normal
rs